Zona Obscura - Quinto

10:13:00 22

5 - A Loucura É A Alma Do Negócio

  Algumas horas faltavam para o amanhecer. O tumulto era gigante por toda a cidade e não existia um único lugar onde houvesse sossego.
  Sabe-se lá onde, algures nos arredores de uma fronteira menos movimentada, e abandonada por alguns, ficava a sede de uma organização pouco convencional que servia para fazer os trabalhos mais sujos e grotescos longe dos olhos do chefe supremo.
  Num edifício abandonado, e quase à beira da ruína  um grupo de homens contorciam-se em dores rebolando no chão.
  A maioria gritava, outros já haviam desistido de o fazer.
  Uma mulher encontrava-se encostada à parede a observá-los. De cabeça baixa e olhar triste ela aproxima-se do que parecia ser o chefe daquele maltratado grupo.
  - Misericórdia! - Suplica o homem.
  Um sorriso forma-se nos lábios da mulher.
  Sem aviso prévio uma faca é espetada no pescoço do homem. O sangue jorrava perante o olhar aterrorizado do resto dos presentes e aquele sorriso macabro alargava-se.
  - Idiota! Achavas que me ganharias a mim? A mim? Não chegas nem aos meus calcanhares.
  Ela solta uma gargalhada e dá um pontapé ao corpo inerte.
  - Idiota!
  Um homem entra no edifício. Olha em volta e tenta controlar o vómito ao deparar-se com o morto.
  - Alice... - Recompõe-se. - Deu o sinal.
  - Que confiança é essa? A chamares-me pelo primeiro nome. E já estou farta desse sinal estúpido.
  - Desculpa Yoru. É melhor despachares-te. Os guardas entretanto estarão aí.
  - Tch... Idiotas! - Alice vira-se para os homens. - O recado está dado seus estúpidos. Rezem para não se voltarem a encontrar comigo. Se sobreviverem.
  Com um sorriso sinistro, Alice afasta-se e atira uma granada para o meio deles. Os que estavam menos feridos começaram a correr para se salvarem, outros não tiveram a mesma sorte.
  Alice Yoru, uma serial killer das mais temidas na Zona Obscura, era conhecida pelo seu ódio ao mundo (personalizado na sua roupa) e pela sua loucura sem tratamento. Quantos mais medicamentos tomava maior era a sua doentia mental. O único tratamento para ela era matar.
  Escolhida por estes dois dotes, era ela que comandava a organização atrás referida.
  O edifício explode. Os guardas chegam em minutos e a serial killer regalava-se em assistir tudo de camarote. A limpeza dos corpos que ela tinha condenado.
***
  Um Ferrari vermelho estava estacionado num beco escondido por detrás de uns caixotes do lixo.
  Raven aproxima-se carregando no controlo automático. Aprendera da pior maneira o que Kadam queria dizer com a noite ser diferente na Zona Obscura.
  Parara para jantar e meter gasolina no carro. Quando vira toda a gente a ir-se embora perguntara ao dono da gasolineira a quanto tempo ficava a zona neutra. Uma hora.
  Nunca esperara que não conseguiria chegar a tempo. A meio do caminho fora atacada e quase atingida por um míssil.
  Apesar da adrenalina que tanto gostava de sentir quando matava alguém desta vez pagara caro. Um tiro numa perna e um corte no abdómen.
  - Pelo menos não estraguei o casaco. - Suspira Raven instalando-se no banco do condutor.
  - Um guarda vê o carro e vai até lá.
  "Era só o que me faltava", pensa ela.
  - O que faz aqui?
  Raven abre o vidro:
  - Estou de saída.
  O guarda observa-a.
  - Está ferida.
  - Irei tratar disso quando sair daqui.
  - Muito bem. Prossiga.
  O motor do carro começa a trabalhar. O acelerador é pressionado e o guarda fica a "comer pó" enquanto Raven se afasta.
  Estava ferida, cansada, com sono, fome e enervada. Senão chegasse àquele bar e depressa com certeza destruiria alguma coisa.

#Imagem de Alice Yoru na página das imagens. Espero que gostes da imagem que escolhi para ti Hime-san.#

22 Comentários de "Zona Obscura - Quinto"

avatar

A Raven vai ter uma adversária a altura...
Vai ser uma grande luta entre duas serial killers!

avatar
C.CMod

Até eu tenho medo de não corresponder a essa expectativa

avatar

Bobagem... Sei que você dará o seu melhor como escritora, C.C.

avatar

Perfeito *OO*
Estou a precisar de ler mais e mais esta história >w</
Ansiosa pelo próximo capítulo!! \Õ/

avatar

Como smepre surpreendente adorei o novo episódio
Diá Matá Né
http://sweet-vampire-dream.blogspot.com.br/

avatar

Fiquei um pouco triste pela Raven ter se machucado, mesmo ela sendo uma serial killer, amo ela (Sempre, cabao gostando dos personagens maus, não sei porquê), a Alice, é bem louca, acho que ela deve ser mais louca que a Raven...Achei esse capítulo simplesmente fantástico. A cada dia que passa voc~e me surpreende ainda c.c.

Gomen, por ter sumido, mais pode deixar já voltei é estou mega inspirado. Tenho uma novidade, mais só vou contar amanhã.

Kisus...

avatar
C.CMod

Escrever luta é sempre difícil para mim.

avatar
C.CMod

Obrigado.
Que bom que estou a corresponder às expectativas.
Tentarei escrever o mais depressa que conseguir ^^

avatar
C.CMod

Obrigado por leres, e ainda bem que gostaste =)

avatar
C.CMod

Até fico envergonhada com tantos elogios.
Na verdade a Raven não é má, apenas mata pessoas (raciocínio um bocado estúpido --'). Ela é boa pessoa à maneira dela.

avatar

c.c-chan es demais. cria cada estoria maneira. amo visita seu blog miga!
essa simplesmente estar sendo A FANFIC!

avatar

OMG C.C! Que história maravilhosa! Gostaria de ter esse teu talento para escrever...!

- Estou anciosa pelo próximo capitulo!!!

>Colors and Promisses<

avatar
C.CMod

^///^
Obrigado. Nem sei que dizer ^^

avatar
C.CMod

Eu não lhe chamaria talento. Depende da minha inspiração.
Ainda bem que gostaste =)

avatar

Ne ne, a pupila vem aqui avisar que adorou o/

avatar

C.C - chaaaaaaan! *corre* *abraça*
Ne ne, gomen por ter demorado tanto pra ler!
O.O quero mais, mais, mais *trava*
TT^TT esse capítulo tá muito boooom! Porque faz isso, eu quero mais!
~le doida~
Agora falando sério, gostei dessa Alice, bem malvadinha! haha
Imaginei o sangue jorrando que nem naquela cena de Another em que o professor se mata! *----* Muito bom!
Esperando ansiosamente pelo próximo o/
~kissus de morango~

avatar
C.CMod

É uma visão bem assustadora essa de another XD
Obrigado por gostares. Vou esforçar-me para continuar a agradar

avatar

Fodastico vc e bem talentosa gostei muito mesmo desse capítulo amei essa Alice kkkk quando o cara pediu misericórdia fiz o mesmo sorriso que ela mais senti um pouco de pena deve que vai dar trabalho pros guardas limparem a bagunça kkk Essa Alice e malvada jogar a granada foi sacanagem se eu fosse um daqueles cara eu não deixava ela sair livre depois do que fez "se eu sobrevivesse" to com uma vontade de ver o próximo cap mais sempre estou ocupado com animes mangas outros sites e minha pequena vida social que se resume a meus amigos e futebol de vez enquando contínuo a repetir vc escreve muito bem e a primeira vez que leio uma fic com um português que e semelhante ao perfeito português que a maioria não sabe eu digo semelhante porque não sei o português certo então não tenho moral pra dizer que alquem escreveu certo porque não sei se ta certo e triste mais sou meio analfabeto mesmo estando na 8 série por isso não deixo de elogiar quem escreve tão bem como vc

avatar
C.CMod

Parecendo que não eu tive 17 a português (de 0 a 20), sem me querer gabar acho que escrevo razoavelmente. Obrigado pelos elogios todos. E acho que devias dar-me o teu mail assim podes falar para mim à vontade lol

avatar

Meu email?...e...eu nunca passei ou conversei com ninguém por email pode ser o gmail? nem sei como faz pra eu mandar mensagem eu não uso email so uso pra fazer login ein alguns sites o que que eu fasso passo o login? Ou o nome?não! deve ter um monte de gente com o meu nome então eu passo o login?ai vc coloca pra procurar?poderia me explicar como eu fasso? kkk não sei nada sobre email pesso que tenha um pouco de paciência pra me explicar

avatar
C.CMod

Fazemos assim, dás-me o teu mail que eu envio-te uma mensagem. Depois é só carregares no "responder" e mandares o que quiseres para mim. Podes até mandar-me o desenho do Patrick para eu ver.